CAT AND MOUSE


E cá estamos nós, para mais uma review do episódio da semana. E tirando por duas ou três cenas excelentes, o episódio deixou muito a desejar em comparação ao da semana passada. Talvez o fato de vários roteiristas assinarem um pedaço da história, faça com que muitas vezes o assunto em questão nem sempre seja muito bem orquestrado! Enfim... na minha opinião, episódio sem ação ou emoção!

Tess, já de início, aflita com o sumiço de Cat, vai ao encontro de JT e o encontra de ressaca, pois andou bebendo por conta da situação do amigo, que está fugindo. Com insistência de Tess, JT consegue se recobrar e lembra que ele e Vincent têm uma forma de se encontrarem, em casos extremos como esse. Juntamente com Tess, vão ao encontro de Vincent em um pequeno bar e o colocam a par do desaparecimento de Cat.
Vincent pensa de imediato em ir localizá-la, mas JT impede-o, informando que agora é alvo de captura de todo o Departamento de polícia e que seria impossível voltar ao apartamento dela, pois o mesmo está sob forte vigilância. É quando colocam em prática um plano. Se passando por Vincent, JT entra no apartamento de Cat e acaba sendo interpelado por Gabe que o pressiona para entregar o amigo e acaba por mandá-lo preso. Mas desconfiado, Gabe volta em seguida e confronta Vincent.
Enquanto isso, Cat, mulher determinada, já se desvencilhou de seus sequestradores, que na verdade, são agentes do FBI, em busca de ajuda e recomendados pela agente Dana, para resgatar uma de suas agentes capturada por terroristas. Vincent, após acusações recíprocas já deixou Gabe para trás e segue em busca dos rastros da amada...
JT, na delegacia, pressionado por Gabe, recebe ajuda de Tess para se livrar da acusação de proteger Vincent e ajudá-lo a fugir.
Vincent e Cat reencontram-se ainda no local de sua fuga e ela explica o motivo pelo qual foi sequestrada e após refletir Vincent convence-a de que podem se beneficiar ajudando o FBI e então retornam ao local, onde Cat estivera presa e entram em acordo com o agente. Gabe pressiona Tess para que ela, assim como Cat, escolha de que lado pretende estar. E daí pra frente é um jogo de gato e rato, que dá título ao episódio, onde Gabe, movido pelo ciúme, despeito de ter sido preterido por Cat, tenta a qualquer custo encontrar Vincent. A missão de resgate da agente, apesar de vários contratempos, é bem sucecida, mas o acordo entre os dois e agente Knox não, pois ele informa que reincidiram a absolvição de Vincent.Alguém entrou em contato com o procurador e o persuadiu de que Vincent era culpado. E nós sabemos quem exatamente fez isso não? Gabe, claro! e Cat também deduziu isso e prá mim, uma das cenas do episódio que eu adorei ver dessa vez! O belo do tapa na cara dado por Cat em Gabe.



CENA FINAL:

Vincent: "Eu não acredito que voltamos para onde começamos. Eu me escondendo nas sombras.
              Você me escondendo".
Cat:       "Pelo menos é romântico. Momentos roubados, amor secreto".
Vincent: "Mesmo assim sem futuro. E acho que merecemos um".

Pelo menos, prá nossa paz, estão juntinhos... como no começo. E vamos ver o que vem por aí!

Postagens mais visitadas deste blog

JAY RYAN EM FOCO

TOP 20 MOMENTOS INESQUECÍVEIS DA 1ª TEMPORADA

RESUMÃO da 2ª TEMPORADA